9º Fórum RME bate recorde de público, atrai mulheres do Brasil e do mundo em edição completamente gratuita e online

Mais de 100 mil pessoas se inscreveram no maior evento de empreendedorismo feminino do país, com 48 horas de programação e 90 palestrantes

 

 

São Paulo, novembro de 2020 – O maior evento de empreendedorismo feminino do país, o 9º Fórum RME, realizado nos dias 5 e 6 de novembro de forma online e gratuita, bateu todos os recordes dos anos anteriores. Mais de 100 mil empreendedores e empreendedoras se inscreveram para o evento, pela primeira vez foi virtual e online. Sob o tema “Conquistando a Autonomia Econômica do seu Negócio”, os participantes tiveram a oportunidade de aprofundar, adquirir conhecimentos para criar e também de como desenvolver e acelerar seus negócios.

 

 

A programação desta edição incluiu mais de 48 horas de atividades divididas entre as oficinas de capacitação na Trilha Empreendedora, na Trilha Vendas e Marketing;  Sala Cresça com o Google; mentorias com mais de 500 atendimentos; rodada de negócios realizada pelo programa RME Conecta; e Palco Principal, abordando temas como finanças, jornada empreendedora sem romantização, sobre redes de colaboração, novas masculinidades, potências periféricas e sobre futuro dos negócios.

 

 

Entre os convidados e palestrantes – total de 90 – estiveram presentes nomes como a empresária e investidora anjo, Camila Farani, o professor e head de educação do C6 Bank, Liao Yu Chieh, a empresária Sonia Hess, do Fundo Dona De Mim, além da fundadora do Me Poupe!, Nathalia Arcuri.

 

 

O Fórum teve, ainda, ações especiais de patrocinadores e apoiadores para impulsionar conhecimento, e a divulgação da pesquisa “Empreendedoras e seus Negócios 2020”, realizada pelo Instituto RME com apoio da ONU Mulheres. A quinta edição do maior estudo sobre empreendedorismo feminino no Brasil pode ser baixado no site por meio do link.

 

 

Segundo Ana Fontes, fundadora da RME, a pandemia potencializou ainda mais os holofotes para o digital. “As empreendedoras buscam muito conteúdo e estão interessadas em digitalizar seus negócios. No Fórum elas puderam aprender mais sobre marketing, vendas, e-commerce, inclusive na sala exclusiva do Google durante o evento. Tudo isso foi pensado especialmente na transformação digital das mulheres empreendedoras no mercado”, disse.

 

 

O evento contou também com o Prêmio Fórum RME que reconheceu os melhores pitches, todos escolhidos pelos próprios participantes do evento. Ao todo, R$10 mil foram distribuídos entre as vencedoras, Maria Gabriela Macedo, da Twinkle Mountains, Catiane Bonfim Nunes, da Cati Doce Arte, e Maria e Jacqueline Decker, da Lilium, além de um pacote de mentorias exclusivas com as especialistas de negócios da Rede Mulheres Empreendedoras. 

 

 

“Este fórum foi singular, porque completamos dez anos de RME e em meio a toda essa limitação do isolamento social, com a pandemia, tivemos recorde de público e participantes do Brasil inteiro durante os dois dias do evento. O 9° Fórum RME sempre será um marco na nossa história por tudo que conseguiu atingir, graças ao nosso público, patrocinadores colaboradores e, claro, todas as organizações que nos apoiaram”, completa Ana Fontes.

 

 

Soluções

 

 

A programação do 9º Fórum RME atendeu centenas de pessoas em dez mentorias coletivas com especialistas voluntários que ajudaram os participantes a encontrarem soluções práticas nas áreas de criação de negócios, vendas, digitalização, formalização, planejamento financeiro, questões trabalhistas e de impostos e relacionamento com o cliente. 

 

 

Nas 14 oficinas da Trilha Empreendedora, que foi dividida em conteúdos para quem queria abrir um negócio e para quem queria acelerar um empreendimento já criado, os temas abordados no primeiro dia foram: mundo empreendedor, rede de contatos, planejamento financeiro para começar a empreender, precificação, testagem de negócios, finanças, formalização e apresentação do negócio. No segundo dia, os altos e baixos de quem empreende, como achar desenvolvedores de tecnologia, como fazer um bom contrato, boas práticas de gestão e um painel sobre aceleração ocuparam a programação.

 

 

Uma novidade foi a Trilha de Marketing e Vendas, que reuniu especialistas que compartilharam conhecimento sobre criação de conteúdos digitais, de persona e vídeos eficientes para negócios, além de informações relevantes sobre Linkedin, Instagram e WhatsApp.  

 

 

No Espaço Google, mais uma vez, como patrocinador Diamante do Fórum RME, as empreendedoras puderam expandir seus negócios com o programa “Cresça [suas vendas] com o Google”, uma iniciativa que oferece a criação de lojas on-line e um pacote de recursos totalmente gratuitos. Puderam acessar ainda trilhas de conhecimento sobre habilidades emocionais, criação de negócio, identificação de persona, técnicas de vendas, cuidados jurídicos, precificação e negociação.  Sebrae, Itaú, Uber, Liberty Seguros, Bradesco e Mercado Pago, também patrocinadores, compartilharam conteúdos exclusivos por meio dos estandes na plataforma de transmissão.

 

 

O 9º Fórum RME foi transmitido ao vivo pelo site: https://forumrme.net.br/ e ainda pode ser acessado gratuitamente. Os eventos habituais da RME, como o “Café com Empreendedoras”, mentorias, lives e oficinas, continuam a acontecer no ambiente online visando a segurança das voluntárias e participantes. Para conferir nossa programação completa, siga-nos nas redes sociais: Instagram (@redemulherempreendedora) e Facebook (Rede Mulher Empreendedora).

 

 

Sobre a Rede Mulher Empreendedora

 

 

Primeira e maior rede de apoio a empreendedoras do Brasil, a RME existe desde 2010 e já impactou mais de 750 mil pessoas. O objetivo é fomentar o protagonismo feminino no empreendedorismo, auxiliar quem quer empreender e quem quer se inserir no mercado de trabalho.

s;