/>

A importância da inteligência de mercado no processo de marketing

*Por Kerla de Paula

 

É fato que o mundo está se modificando e evoluindo numa velocidade inimaginável. No cenário mercadológico, o índice de competitividade aumenta vertiginosamente por conta das mudanças do comportamento do consumidor e das constantes inovações tecnológicas. Além disso, cresce exponencialmente o volume de conteúdo criado diariamente na Internet, tornando o ambiente digital em um grande celeiro de oportunidades.  

 

Neste contexto, empresas que executam ações de marketing desconectadas de um processo estratégico correm o sério risco de não alcançar os resultados, podendo ser, inclusive, ultrapassadas pela concorrência. Em meio a tanta informação e transformação, a maneira pela qual as organizações formulam e implementam suas estratégias tem sido determinante para garantir o sucesso e a sua longevidade.

 

Mas tomar decisões de marketing nos dias de hoje não é tarefa fácil!

 

Um dos principais desafios de qualquer empresa é identificar quais mudanças no ambiente mercadológico são efetivamente relevantes para o seu negócio. Mundo conectado, consumidor exigente e novas tecnologias são fatos consumados, mas por si só já não são mais suficientes para delinear campanhas de marketing.

 

É preciso imergir neste mercado dinâmico e repleto de dados para melhor interpretá-lo, transformando as informações em inteligência que façam sentido para a empresa. Em outras palavras, é necessário um monitoramento contínuo para identificar oportunidades e antecipar-se aos riscos e tendências a fim de propor soluções rentáveis.

 

Sabemos que a missão de um negócio é entregar valor para o mercado. Dessa forma, as atividades de marketing devem ser organizadas de modo a criar, entregar e comunicar a melhor oferta que atenda o seu público-alvo. E para isso, tais tarefas devem ser executadas dentro de um processo sistemático capaz de abarcar todas as etapas necessárias para o cumprimento da missão.

 

Mas em um mundo cada vez mais ágil, as organizações precisam tomar decisões de extrema importância em curtíssimo espaço de tempo e, na maioria das vezes, sob pressão. Isso, de uma certa forma, favorece o negligenciamento de algumas atividades, sobretudo, as mais estratégicas.

 

Daí a importância de incorporar o conceito de inteligência de mercado no processo de marketing a fim de transformar a análise de oportunidades em uma atividade contínua e sistemática. Se uma organização monitora regularmente os movimentos do mercado, os esforços de marketing tendem a ser mais eficazes porque o planejamento estratégico terá sido feito com base em informações mais consistentes.

 

Inteligência de mercado não é luxo e serve para todas as empresas

 

Em síntese, as ações mercadológicas são pensadas com o objetivo de resolver problemas de marketing. No entanto, a prática da inteligência de mercado pode contribuir para a eficácia das estratégias e do plano de ação, mitigando o impacto dos riscos inerentes à dinâmica atual do mercado.  

 

Dessa forma, o conceito de inteligência de mercado não deve ser aplicado como uma atividade isolada e pontual, mas sim como uma etapa sistemática e fundamental para a eficácia do processo de marketing.

 

Fundadora da Byfocus! Consultoria em Marketing e apaixonada por Estratégia, Marketing e Ambiente Digital. Formada em Ciências Econômicas com pós-graduação em Marketing e Inteligência de Mercado. Meu propósito é ser uma facilitadora, ajudando as empresas a alavancar o seu negócio, desenvolvendo estratégias personalizadas, acessíveis e orientadas a resultados.

s;