Aceleradora Herd selecionou seis negócios para o primeiro programa de aceleração 2019

A aceleradora da Rede Mulher Empreendedora incubará negócios nos setores de educação, turismo, manutenção residencial e varejo.

 

A Aceleradora Herd, spin-off da Rede Mulher Empreendedora, realizou, na última segunda–feira (11), no Google Campus, o Pitch Day para selecionar os negócios que serão acelerados durante o primeiro semestre de 2019. O objetivo é apoiar projetos liderados por mulheres e conectar empreendedoras à investidores e profissionais do mercado.

 

Em sua segunda edição, as 312 empreendedoras que se inscreveram passaram por um processo seletivo com entrevistas. Dentre todos os negócios, foram selecionados 16 para apresentarem-se à uma banca avaliadora composta pelo conselho da Aceleradora Herd que é formado por Raquel Teixeira (EY), Marcelo Nakagawa (Insper), Junia Nogueira de Sá (Oito,Com Comunicação Estratégica),  Raquel Elita Preto (Preto Advogados), Maria Rita Spina Bueno (Anjos do Brasil e MIA), Renato Valente (Wayra – Telefónica Open Future), Luciana Burr (GreenEdge Capital), Jorge Menegassi (ex-presidente EY) e Sonia Hess (Mulheres do Brasil). No final, 6 negócios foram escolhidos para iniciar a aceleração no dia 20 de fevereiro.

 

O programa de aceleração consiste em mentorias individuais e coletivas, divulgação em redes sociais da Rede Mulher Empreendedora e da Aceleradora Herd, acompanhamento durante todo o período e, por fim, será realizado um demo day com investidores-anjo da Anjos do Brasil e Mulheres Investidores Anjo – MIA.

 

Conheça os negócios que foram selecionados para o programa:

 

Despegad@s: instagram.com/despegads

 

Mana – Mulher Conserta para Mulher: manamanutencao.com.br

 

Minha Querida Sapatilha: mqsapatilha.com.br

 

Flora Fiora: florafiora.com.br

 

Fico com a Cria: jujumartinss2.wixsite.com/ficocomacria

 

Youth Climate Leaders: youthclimateleaders.org

 

Sobre a Aceleradora Herd:

 

A Aceleradora Herd foi criada em 2018 com o propósito de assegurar a igualdade de gênero e fortalecer, economicamente, as mulheres por meio do empreendedorismo. Os programas de aceleração são realizados gratuitamente e equity-free, para empresas lideradas por mulheres e possuem duração de seis meses.

 


s;